A life committed to learning.

Como seleccionar um projecto? – Payback Period

A decisão de investir em projectos é o resultado de uma análise fundamentada em dados históricos e previsionais que permite avaliar características do retorno do investimento. Investir num projecto sem fazer uma análise de investimento, embora muito comum, aumenta inevitavelmente o risco associado ao projecto.

Além da análise de investimento permitir conhecer como e quando o investimento se materializa em retorno, esta análise permite também solidificar objectivos do projecto.  É diferente realizar um projecto que se propõe gerar 100k € no primeiro ano de produção do que realizar um projecto cujos benefícios nem sequer se conhecem.

Este artigo é o último da série  “Como seleccionar um projecto” e apresenta o indicador Payback Period (Período de Recuperação de Investimento) que descobre o período de tempo necessário para recuperar o investimento total no projecto.

Exemplo: Se investir 500k € ao longo da realização do projecto A, ao final de quanto tempo é que os fluxos de caixa gerados pelo projecto somam os 500k €? Se existir uma alteração nos pressupostos feitos durante a análise, ou outras alterações,  quais os impactos nesse período de tempo?

É importante fazer estas perguntas, não apenas no inicio do projecto mas durante todo o projecto, porque alteração internas ao projecto ou externas (situação económica, mercado, etc) podem afectar o resultado final do projecto, por vezes, até, inviabilizando-o.

Para calcular o período de recuperação de investimento são utilizados os fluxos de caixa de entrada e saída do projecto (inflow e outflow) para calcular o período onde os fluxos de entrada anulam os fluxos de saída.

Para ilustrar o conceito, o gráfico em baixo mostra os fluxos de caixa acumulados e actualizados gerados pelo projecto SE4W (inicialmente apresentado no artigo sobre VAL).  – Os fluxos de caixa acumulados e actualizados do ano n, são calculados através da subtracção dos custos actualizados aos benefícios actualizados e somados aos fluxos de ciaxa acumulados e actualizados do ano n-1, quando n é maior que zero.

A linha a vermelho indica os fluxos de caixa acumulados e actualizados do projecto ao longo dos anos. É fácil, porém, verificar que os fluxos de caixa acumulados e actualizados começam a ser positivos a partir do ano quatro, significando que são necessários quatro anos para recuperar todo o investimento feito no projecto.

Para saber exactamente o Período de Recuperação de Investimento, utiliza-se a seguinte fórmula:

Com os dados do projecto exemplo SE4W:

P = 4, CFp = -6,881 e CFp+1 = 179,396.

O Período de Recuperação de Investimento (Payback Period) para o projecto SE4W é de 4.04 Anos ou 48.44 Meses.

Sempre que possível devem-se analisar os projectos à luz do VAL, TIR, RBC e PRI para aumentar o grau de confiança na realização do projecto.

E assim termino a série de artigos sobre modelos económicos para avaliação de projectos, onde foram introduzidos os indicadores VAL, TIR, RBC e PRI (Payback Period ou Período de Recuperação do Investimento).

É fundamental monitorizar estes estes indicadores ao longo da execução do projecto porque alterações ao projecto podem reduzir, ou aumentar, a viabilidade e benefícios do projecto.

Em projectos mais críticos e estratégicos, esta análise pode incluir outras variáveis, como o EMV (Expected Monetary Value) do riscos identificados e associados ao projecto.

E termino com a última versão do modelo económico em Excel.

Download da Versão 4 do Modelo Económico

jpereira

http://jpereira.eu

View more posts from this author
4 thoughts on “Como seleccionar um projecto? – Payback Period
  1. Pingback: Estudos de viabilidade, val, tir, payback e modelos de negócio | João Pereira

  2. Antunes

    Estou a gostar do teu blog. Será que tens uma planilha em excel de um estudo de viabilidade economico e finaceiro completo (do pressupostos, vendas, amortizações, até o payback). Na qual as formulas estão associadas?

    Agradeço a sua ajuda para esclarecer-me algumas duvidas.
    As suas explicações são simples e entende-se facilmente.

    Atentamente,

    Augusto Antunes

     

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *