Como seleccionar um projecto? – Rácio Benifício/Custo

Este post pertence à série “Como Seleccionar um projecto“. O objectivo desta série de posts é introduzir alguns conceitos básicos para ajudar a seleccionar projectos.

Todos os projectos são realizados para produzir alguns tipos de benefícios. No entanto, a realização desses benefícios requer a utilização de recursos (Pessoas, Hardware, Software, Serviços, Materiais, etc.). A questão essencial com esta série de posts é avaliar se o valor dos benefícios supera os custos dos recursos utilizados para a realização dos mesmos.

Com o VAL é possível avaliar o valor actual dos benefícios líquidos do projecto no momento da avaliação Com a TIR, numa vertente mais económica, consegue-se avaliar a taxa de rentabilidade dos recursos utilizados na realização do projecto.

Neste post vou introduzir um conceito bastante mais simples de entender, sem grandes fórmulas e magias 🙂

Os rácios são uma forma simples de comparação entre dois valores através da sua divisão. Assim, o rácio Benefício/Custo avalia os Benefícios em relação aos Custos através da divisão dos Benefícios pelos Custos. O resultado  deve ser superior a UM (>1) nos casos onde os benefícios são superiores aos custos e inferiores a UM (<1) nos casos contrários.

Resumindo:

  1. Se o Rácio Benefício/Custo for maior que UM (>1): Os benefícios são superiores ao custos e pode existir um OK para o projecto;
  2. Se o Rácio Benefício/Custo for menor que UM (<1): Os custos são superiores aos benefícios e pode não existir um OK para a realização do projecto à luz deste indicador.
  3. Se o Rácio Benefício/Custo for igual a UM (=1): É indiferente realizar ou não o projecto à luz deste indicador.

Instanciando o Rácio Benefício/Custo ao projecto SE4W, introduzido no post sobre VAL, qual é o Rácio Beneficio/Custo do projecto SE4W?

Faz sentido utilizar os benefícios e custos actualizados, por isso revendo os benefícios e custos actualizados do projecto SE4W:

Benefícios Actualizados: 632k euros

Custos actualizados: 453k euros

Rácio Benefício/Custo: 632k/453k = 1.40

O Rácio Benefício/Custo é superior a 1 e não seria de esperar outro resultado porque os benefícios do projecto SE4W são superior aos custos de realização, neste caso superiores 1.4 vezes.

O resultado deste rácios podem também ser expressos através da seguinte forma:

Rácio Benefício/Custo : 3:2

Este indicador é simples de calcular e de entender. No entanto deve ser sempre utilizado em conjunto com outros indicadores, preferencialmente com o VAL e a TIR.

O modelo económico iniciado com o VAL foi actualizado para incluir este indicador.

No próximo post, o modelo económico ficará completo com o indicador Payback Period (Período de Recuperação do Investimento) que permite analisar o período onde o projecto recupera o investimento e começar a ser rentável.

Download Versão 3 do Modelo Económico